COMO falar BEM em público | 5 TÉCNICAS SIMPLES que FUNCIONAM


Você projeta a sua apresentação, para na frente das pessoas e sente os olhos atentos da sua audiência esperando as suas primeiras palavras. A sua boca está seca, o coração palpitando e suor escorre pela sua testa.


Parece que por um segundo tudo que iria falar sumiu da sua mente e um leve desespero toma conta de você. Esse não é um sentimento exclusivo seu, acredite em mim.

Em 2015, o jornal britânico Sunday Times realizou um estudo sobre o medo das pessoas na hora de uma apresentação. Para você ter uma ideia, esse temor é maior até mesmo que o de problemas financeiros, doenças e morte. Dos três mil entrevistados no Reino Unido, 41% responderam que o medo de fazer uma apresentação para outras pessoas é o maior.


Na minha opinião nós não temos de fazer uma apresentação, de falar em público, mas temos medo do desconhecido. Isso é algo natural do ser humano. É como ter medo do escuro. Uma pessoa não teme a falta de luz, mas ela teme a insegurança de não saber os possíveis perigos que estão lá escondidos. Uma vez que você acende a luz o medo some, pois a partir daquele momento você sabe que não existe nada que irá te machucar.


Mesmo realizando palestras, cursos, workshops e tudo que você pode imaginar com relação a apresentações há mais de 15 anos, eu posso te dizer que sempre que vou participar de um evento maior, sinto um leve frio na barriga. Porém, sempre que inicio minha apresentação sou tomado por um sentimento de calma e confiança e a partir dali estou em total controle do que estou fazendo.


Esse medo só some porque eu SEMPRE elimino o fator “desconhecido” da minha apresentação. Eu tenho total conhecimento da minha audiência, pois sempre busco estudá-la com antecedência. Meu conteúdo é muito bem estruturado porque para toda apresentação eu crio meu script. Eu sei exatamente o que vai acontecer a cada clique do meu passador de slides pelo fato de ter treinado aquela apresentação previamente pelo menos por duas vezes!


Uma vez ouvi de uma pessoa que quanto maior o seu entendimento sobre um assunto, menor é o seu medo, pois quando o assunto é uma apresentação a regra, na minha opinião, continua a mesma.